31 de dezembro de 2010

Feliz 2011


Um 2011 de muito mais Michael Jackson a todos, vamos levar o nome dessa grande estrela ao infinito, por muitas décadas e milênios!!! Um ótimo começo de ano a todos os leitores do It's All For L.O.V.E... !!!

PAZ   UNIÃO   AMIZADE   AMOR   ESPERANÇA   MJ   DINHEIRO   SEGURANÇA   SAÚDE 

Discovery cancela programa sobre autópsia de Michael Jackson

Por Bob Tourtellotte
LOS ANGELES (Reuters) - O canal de TV Discovery anunciou na sexta-feira ter cancelado os planos de encenar num documentário a autópsia do corpo do popstar Michael Jackson.
Como motivos, o canal citou os depoimentos judiciais sobre a morte do cantor que começam na semana que vem e a preocupação dos responsáveis pelo espólio.
O programa "Michael Jackson's Autopsy: What Really Killed Michael Jackson" (A Autópsia de Michael Jackson: O Que Realmente Matou Michael Jackson, em tradução livre) estava programado para ir ao ar em países do oeste da Europa e na Grã-Bretanha em 13 de janeiro.
"Dado o início dos procedimentos legais na semana que vem e o pedido vindo do espólio de Michael Jackson, a exibição do documentário médico relacionado à autópsia oficial de Michael Jackson foi adiado indefinidamente", disse num comunicado a Discovery Networks International.
O cantor de "Thriller" morreu de uma overdose de droga receitada no dia 25 de junho de 2009, aos 50 anos, semanas antes de voltar ao palcos.
A autópsia em Los Angeles mostrou que o popstar morreu de uma overdose do poderoso propofol, que ele usava para ajudá-lo a dormir.
O documentário do Discovery, que ainda não estava programado para ir ao ar nos Estados Unidos, não era oficial, era um relato fictício de como deveria ter sido a autópsia e dos seus resultados.
Fãs de Michael em todo mundo protestaram, num abaixo-assinado on-line lançado neste mês, e os responsáveis pelo espólio do cantor enviaram nesta semana uma carta para o Discovery chamando o programa de "insensível" e "de um mau gosto chocante."
Uma propaganda impressa do documentário mostra um corpo coberto com um lençol. Uma das mãos, à mostra, vestia a conhecida luva do cantor.
O médico de Michael Jackson, Conrad Murray, admitiu ter dado propofol ao cantor, remédio que costuma ser usado em cirurgias. Murray foi indiciado pela morte de Michael. Ele se diz inocente.
A sessão de depoimentos, para avaliar se há evidências suficientes para o médico ir a julgamento, começa no dia 4, em Los Angeles.

28 de dezembro de 2010

Chamam de Jacksonmania, e eu tenho


Existe uma síndrome que provoca sorrisos exagerados, danças improvisadas, cantarolejos pela casa, biquinhos forçados e vontade de ser criança. Dizem que tem até nome, mas ainda está em estudos. Não existe cura. A prevenção é ficar longe de qualquer vestígio de um cara chamado Michael Jackson. Doença altamente contagiosa. Pode ser adiquerida de várias formas, existem casos em que uma música é o suficiente para infectar.

Michael Jackson, a tragédia dos anos 00

Em 2009, aos 50 anos, Michael Jackson estava pronto para voltar à ativa. Apesar de seu último álbum de músicas inéditas até então, "Invincible", ter sido lançado em 2001, ele resolveu promover uma extensa e majestosa turnê.
Batizada de "This Is It", a temporada de 50 apresentações que Jackson faria na Europa deveria marcar seu retorno aos holofotes e impulsionar uma possível turnê mundial, assim como um novo disco. Porém, o músico não foi capaz de concretizar seus objetivos por conta de uma parada cardíaca. Pela internet e pela TV, o mundo acompanhou a morte do Rei do Pop, em 25 de junho.
Alguns meses depois, os fãs puderam vislumbrar o que Jackson planejava no documentário "This Is It", montado a partir de gravações dos ensaios daqueles que se tornaram "os maiores concertos que nunca aconteceram".
Algumas faixas inéditas de Jackson, semi-acabadas, foram completadas com a ajuda de um produtor e lançadas no disco póstumo “Michael”, já nas lojas.
O álbum é apenas uma fração do que representa Jackson para a música pop. Pelo talento em compor melodias, pela ousadia de seus vídeos e, por que não, pelas inúmeras polêmicas em que esteve envolvido, Michael Jackson tornou-se um dos principais artistas do mundo. E sua morte foi a principal tragédia pop da primeira década deste século.
Acesse a página abaixo, e jogue um game especial sobre o Rei do Pop:
http://ultimosegundo.ig.com.br/retrospectiva2000a2010/michael+jackson+a+tragedia+dos+anos+00/n1237892891982.html

25 de dezembro de 2010

O último Natal de Michael


Sete quartos, 13 banheiros, 12 lareiras, sala de projeção, casa de hóspedes, piscina e jardim.


Foi numa mansão assim que Michael Jackson teve sua última ceia de Natal. Em 2008, o Rei do Pop convidou o dermatologista Dr. Arnold Klein para passar o Natal com ele e seus filhos, Prince, Paris e Blanket.



A atriz Carrie Fisher, que interpretou a 'Princesa Leia' em Star Wars, também comemorou o Natal com Michael e os filhos. As crianças eram fãs da saga, e adoraram a surpresa.

Depois da comemoração, Michael colocou Prince, Paris e Blanket para dormir. Será que eles aproveitaram a noite? Tomara que sim! Pois aquele foi o último Natal do mundo com Michael Joseph Jackson em vida. Arnold Klein e Carrie Fisher foram muito, muito, muito privilegiados por estarem lá.

Fisher não exitou em relatar qual a impressão que teve de Michael e os três filhos:

"Eu não acredito que Michael tenha feito algo de inconveniente, não só para seus filhos, mas para qualquer outra criança. Ele era uma criança mesmo. Nunca de forma alguma o vi como alguém que foi capaz de fazer aquilo que o acusaram. Ele era devotado à sua família. Em uma cidade onde você muitas vezes ver os filhos de celebridades aos cuidados dos outros, nunca vi nada parecido com Michael e seus filhos. Eu diria que ele era um pai presente, mas como a imprensa e alguns do público são como são, eu não quero dizer nada que pudesse ser interpretado diferente do que a cena de amor que observei entre os três filhos e a ele mesmo. Eu não iria ganhar nada em afirmar isso. Michael foi a alma mais doce que já encontrei. Ele foi generoso e educado. E onde você poderia esperar ver crianças mimadas, seus filhos não mostraram nada disso." (2009)



Os momentos da celebração ficaram registrados em algumas fotos. Confira:







24 de dezembro de 2010

Qual fato mais lhe marcou na primeira década do Século 21? Comente...

O site SIDNEY REZENDE está perguntando aos internautas qual foi o fato mais marcante entre 2000 - 2010, no meio da lista encontra-se a "morte" de Michael Jackson; acesse www.sidneyrezende.com/noticia/114458 e comente, não precisa se cadastrar, só é preciso deixar nome e e-mail, comente, faça o nosso Michael ganhar mais essa!!!


Artigo do site: [[[ O 11 de setembro, as tragédias naturais, a eleição de Obama, as Copas do Mundo de 2002, 2006 e 2010, as guerras do Afeganistão e do Iraque, a caçada a Osama Bin Laden, as eleições de Barack Obama e Dilma Rousseff, a morte de Michael Jackson e muito mais. Encerra-se na virada do dia 31 de dezembro de 2010 para o dia 1º de janeiro de 2011 a primeira década do século. 
E o SRZD quer saber de seus leitores: qual fato ou qual ano mais marcou a sua vida? Deixe seu relato no espaço abaixo destinado aos comentários, na pagina do site.]]]

Bilhete escrito por Michael Jackson é leiloado por 2,2 milhões de euros

Um bilhete escrito por Michael Jackson antes da sua 'morte', em 25 de Junho do ano passado, foi leiloado na Internet, tendo atingido o valor de três milhões de dólares (mais de 2,2 milhões de euros).


O papel, escrito a mão pelo Rei do Pop, tratava-se de uma espécie de lista de tarefas a cumprir e foi possivelmente vendido por um grupo de antigos funcionários do cantor, que terão encontrado a nota na mansão do astro, pouco depois da sua morte.


Um ano em Londres... Falar com a Universal, Warner... Fazer uma escultura..., eram algumas das metas propostas por Michael Jackson, que se preparava para uma turnê composta por meia centena de concertos, em Londres, no Reino Unido, marcando o sua volta aos palcos, 13 anos depois.


Entre a lista de afazeres, num papel manchado de vermelho, pelo fato de o artista ter derramado algum tipo de bebida, encontrava-se "More Money", ou seja, o desejo de Michael Jackson de ganhar mais dinheiro. Soube-se, após o seu óbito, que o Rei do Pop tinha muitas dívidas, encontrando-se quase na falência.

23 de dezembro de 2010

Anúncio de mal gosto revolta fãs de Michael Jackson



NOVA YORK - O canal Discovery Channel francês revoltou os fãs do cantor Michael Jackson ao criar um anúncio para o programa 'Michael Jackson: a autópsia', informou o site OhNoTheyDidn't.
Na imagem, um corpo coberto usa a característica luva de brilhantes que Jackson usava. O anúncio ainda tem a frase "Como mataram o rei do pop".
http://www.jb.com.br/cultura/noticias/2010/12/23/anuncio-de-mau-gosto-revolta-fas-de-michael-jackson/

Qual é o melhor álbum internacional de 2010?


Mas uma votação !

No site da  MTV - Brasil, está tendo mas uma enquete em que a questão é : 

Qual é o melhor álbum internacional de 2010?

30 albúns Internacionas de 2010 , entre eles estão Rihanna , Miley Cyrus ...

como vocês acabaram de ver a postagens abaixo, que o albúm " Michael " foi eleito o mas vendido de 2010, então fãs e apenas vocês votarem conseguirão garantir mas uma vitória do nosso Michael !


Vote Aqui ! 

22 de dezembro de 2010

"Michael" é o disco mais vendido do mundo

Disco póstumo de Michael Jackson é o mais vendido do mundoMesmo após sua 'morte', Michel Jackson ainda continua quebrando recordes. Desta vez, seu novo álbum foi nomeado o mais vendido do mundo em 2010. "Michael" se firmou na primeira posição nas paradas globalis após vender três milhões de cópias em 31 países. 


O disco alcançou a liderança já na primeira semana do seu lançamento. Inclusive já conquistou disco de platina com mais de 300 mil cópias, em 14 países entre eles, Estados Unidos, Reino Unido, Alemanha, França e Itália.

Apesar da nomeação, o álbum "Thriller" lançado em 1982, ainda é o mais vendido de todos os tempos, com mais de 100 milhões de cópias em todo o mundo.

Os anúncios de início para o documentário doente




O que matou o rei do pop?
Descubra as verdadeiras causas da morte de Michael Jackson, e a verdade sobre os mitos que circulavam ao redor do astro e de sua saúde.
Na quinta feira, 13 de janeiro de 2011.

Discovery Channel Fr.

"Michael" estreia em 4º lugar na parada dos álbuns do Reino Unido

Relembre: Em 1996, Michael foi eleito o sétimo homem mais 'sexy' do mundo



Sim! Isso foi o resultado de uma pesquisa feita em maio de 1996 entre 15.000 mulheres de 15 países europeus, revelou que Michael Jackson era o sétimo homem mais sexy do mundo.

Ne-yo diz que não ouvirá o álbum "Michael"

Ne-Yo está encenando um boicote contra o novo álbum de Michael Jackson dizendo que ele não quer ouví-lo porque ele tem certeza que Michael jamais o liberaria.
O cantor, compositor e produtor estava em New York neste final de semana, quando ele explicou que Michael Jackson era muito perfeccionista.Se MJ ainda estivesse vivo… Eu sei que este álbum ainda não sairia.

E ele acrescentou:“Eu vou manter meu velho Mike”. 

19 de dezembro de 2010

Especial Álbum: Off The Wall


Off the Wall foi o quinto álbum de estúdio solo do ícone Michael Jackson, lançado em 10 de agosto de 1979 pela gravadora Epic Records, após a performance bem recebida pela crítica de Jackson no cinema, em The Wiz. Michael havia se aproximado do produtor musical Quincy Jones enquanto trabalhava naquele projeto, tornando-se seu amigo, e Jones concordou em participar do seu próximo álbum de estúdio. As sessões de gravações ocorreram entre dezembro de 1978 e junho de 1979, em diversos estúdios (Allen Zentz Recording, Westlake Recording Studios e Cherokee Studios) de Los Angeles, na Califórnia.
No disco, Michael, que estréia como compositor, assina três faixas; uma delas, "Don't Stop 'Till You Get Enough", lançada como compacto em 79, lhe renderia o primeiro Grammy desde o início da década, o de "Desempenho Vocal R&B Masculino", um ano depois. O álbum inclui ainda canções de Paul McCartney ("Girlfriend"), Stevie Wonder ("I Can't Help It") e Rod Temperton ("Rock with You", "Off The Wall" e "Burn This Disco Out"). Na faixa "It's The Falling In Love", Michael divide vocais com Patti Austin. Jackson recebeu críticas positivas por sua performance vocal no álbum, e com ele se tornou o primeiro artista solo a ter quatro singles do mesmo álbum chegarem ao top 10 da Billboard Hot 100. O álbum também foi um sucesso comercial, e até hoje recebeu sete discos de platina, e vendeu 20 milhões de cópias ao redor do mundo.

Canções Arquivadas
  • "Goin' To Rio" (Michael Jackson/Carole Bayer Sager)
  • "Thank You For Life" (Autor Desconhecido)
  • "What A Lonely Way To Go" (Autor Desconhecido)
  • "Sunset Driver" (Michael Jackson)


Edição Especial

    A Epic lançou, em outubro de 2001, uma edição especial de Off The Wall celebrando os 30 anos de carreira solo de Jackson. As gravações demo de "Don't Stop 'Till You Get Enough" e "Working Day And Night" foram incluídas como faixas bônus. Entre outras raridades, entrevistas com o compositor Rod Temperton e com o produtor Quincy Jones sobre os bastidores das sessões. 
O álbum ainda recebeu capa dura de luxo, com uma imagem diferente da original. O encarte de Off The Wall também foi modificado, incluindo fotografias do acervo pessoal do astro.


"Sunset Driver"
A coleção "The Ultimate Collection" de 2004, lançou a canção Sunset Driver como uma das faixas bônus do álbum.


Prêmios
  • 1980 Billboard Awards
  1. Cantor R&B
  2. Álbum R&B (Off The Wall)
  • 1980 American Music Awards
  1. Cantor Soul/R&B
  2. Álbum Soul/R&B (Off The Wall)
  3. Compacto Soul/R&B ("Don't Stop 'Till You Get Enough")
  • 1980 Grammy Awards
  1. Vocal R&B Masculino ("Don't Stop 'Till You Get Enough")
  • 1981 American Music Awards
  1. Cantor Soul/R&B
  2. Álbum Soul/R&B (Off The Wall)

18 de dezembro de 2010

Out-door da Billboard, na Times Square (NY), divulga "Michael"

Full Image

DVD Oficial da Bad World Tour será lançado

O acordo da Sony com Michael Jackson chocou a todos, especialmente amigos íntimos que disseram que não havia material suficiente para 5 álbuns, que dirá 10!

O fato é que, o acordo é para
10 PROJETOS e não álbuns.


“This Is It”, “Vision” e “Michael” são parte deste acordo, o que nos deixa com 7 projetos pendentes. O próximo será a remasterização do álbum “Off the Wall”, com a ajuda de ninguém menos do que Quincy Jones. O Espólio diz que o plano é que Quincy se encarregue do projeto, que incluirá material inédito.

Mas a novidade mais excitante com certeza é a remasterização do álbum “Bad”, que contará também com o lançamento oficial, pela primeira vez, de um show da Bad  World Tour!!!
Os fãs exigiram isso da Sony e o Espólio resolveu agir. Nenhuma data foi confirmada ainda, e isso não deverá acontecer tão cedo. Esta informação veio do próprio John Branca, de New York, para o MJNEWSALERTS.

Casa de Michael Jackson pode virar escola de música

Os atuais proprietários do rancho Neverland, construído por Michael Jackson na Califórnia, querem transformar o local em uma escola de música.

Segundo o site "TMZ", os donos querem realizar um plano para o local, mas o projeto depende de autorizações legais, incluindo a permissão para usar o nome de Michael Jackson para promover espaço.

De acordo com o plano, o local será um campus onde jovens irão estudar todos os aspectos da música, da composição à performance. O modelo será a famosa escola Juilliard, em Nova York.

17 de dezembro de 2010

Foto completa do álbum "Michael"

Jackson, Boyle e Swift disputam o topo da parada de álbuns


Capa do novo álbum de Michael Jackson, que está sendo lançado mundialmenteO primeiro álbum desde "Invincible" de Michael Jackson gravado em estúdio disputa uma corrida apertada pela liderança nas paradas de sucessos da próxima semana, concorrendo com a campeã do momento, Susan Boyle, e a ex-rainha Taylor Swift, segundo prognósticos.
O álbum "Michael" pode ter entre 200 mil e 225 mil cópias vendidas até 19 de dezembro. Mas "The gift", de Susan Boyle, pode vender o mesmo número de exemplares ou mais, assim como "Speak now", de Taylor Swift, o atual número dois. A lista Billboard 200 será divulgada na próxima quarta-feira (22).
O último álbum de Jackson, a compilação "This is it", foi lançado como número um um pouco mais de um ano atrás, com 373 mil cópias vendidas na primeira semana, segundo a Nielsen SoundScan.
Mas é difícil comparar os números de vendas dos dois álbuns, já que são projetos de natureza bem diferente. 'Michael' é um conjunto muito discutido de novas gravações lançado quase um ano e meio após a morte de Jackson, enquanto 'This Is It' foi basicamente uma coletânea de grandes sucessos do artista, lançado em conjunto com o filme do mesmo nome.
A segunda maior estreia da próxima semana provavelmente será "Love letter", de R. Kelly, que prevê vender cerca de 160 mil exemplares. Um ano atrás o astro de R&B foi número quatro com "Untitled", que vendeu 114 mil cópias.
do G1, em São Paulo

16 de dezembro de 2010

Quincy Jones irá remasterizar álbum "Off the Wall"


Fontes ligadas a "Michael Jackson" e Sony disseram ao TMZ … que dentre os 10 álbuns que serão lançados, um será a remasterização de “Off The Wall” - com a ajuda de ninguém nada menos que Quincy Jones.


Nos disseram que este plano é de Quincy para assumir o projeto, que irá incluir alguns materiais nunca antes visto.

Outro álbum contará com a trilha sonora do espetáculo de Michael Jackson no Cirque Du Soleil em Las Vegas.

Há relatos que circulam de que a Sony irá lançar os 10 álbuns originais, mas isso não é verdade. Além do lançamento de “Michael” que aconteceu na quarta-feira, 15/12/10, nos informaram que haverá pelo menos ou no máximo um ou dois álbuns com canções inéditas.

Manuscritos de Michael Jackson, das faixas do álbum "Michael"


"Best of Joy" é a música mais recente do álbum, foi gravada em 2009, poucas semanas antes dos ensaios de da turnê "This Is It".


"Hollywood Tonight", também do álbum "Michael", pelo que vemos The King, escreveu num papel de anotações de um hotel.

14 de dezembro de 2010

The Jacksons: An American Dream, está em exibição esta semana no GNT

         
        O canal pago da Globosat, o GNT, exibe esta semana (de 13 à 17 de dezembro), a série vencedora de um "Emmy", "The Jacksons: An American Dream", no horário das 20h30 (horário de Brasília). 
Quem não assistiu ainda, vale a pena acompanhar e conferir, e quem já assistiu, pode conferir novamente pois a série não enjoa, (rsrsrsrsrsrsrs). A minissérie conta a história da família Jackson, desde o casamento de Joe e Katherine até a inesquecível apresentação nos 25 anos da Motown, em que nela Michael apresenta ao mundo o Moonwalk!!!

"Michael", CD de inéditas é lançado amanhã no Brasil

Chega às lojas nesta quata-feira, dia 15, no Brasil, quase um ano e meio após sua "morte", "Michael", o primeiro álbum de Michael Jackson de inéditas desde "Invincible". Convidados do quilate de Lenny Kravitz, Akon e 50 Cent foram escalados para contribuir no CD de dez faixas.

Mas, mesmo com todo o poder da memória, será que um disco de Michael Jackson pode ser bom sem o showman por perto? Em processo de produção na época da morte de Jackson, o projeto gerou muita controvérsia. Supervisionado pelos administradores do espólio do cantor, "Michael" tem músicas que estavam nos mais variados estágios de gravação e que foram confiadas a colaboradores top de linha para a finalização.

Will.I.Am, do Black Eyed Peas, acha o produto "desrespeitoso". Para ele, um CD de Michael Jackson sem a edição do próprio pode ser um desastre, uma vez que o mestre era conhecido por sua atenção aos detalhes.

Alguns estão mais otimistas. "Não é como se tivessem encontrado uma pilha de gravações velhas e juntado tudo em um 'caça-níqueis'". São canções com as quais ele estava envolvido”, opina Pup Dawg, diretor musical da rádio JAMN 94.5, de Boston (EUA).

A verdadeira questão é: será que o álbum está à altura do resto do trabalho de Michael Jackson? Alguns membros da indústria musical ainda têm dúvidas, mas os fãs pouco se importam e devem comprá-lo.

"A música com Lenny Kravitz é um registro bem típico de Michael. Você ouve e ele está lá, em excelente forma", diz Geespi, diretor de programação da rádio Power 105.1, de Nova York. "Ainda é o Michael. Ainda é o maior astro de todos os tempos. Você preferiria não ouvir?", finaliza.

Veja as participações especiais de "Michael":

Akon O dueto "Hold My Hand" é o primeiro single do álbum e gerou as reclamações públicas de Will.I.Am, do Black Eyed Peas. Akon rebateu: "O álbum sairia se Michael estivesse vivo".

50 Cent  É difícil imaginar Michael Jackson e 50 Cent como amigos, mas havia uma conexão: de acordo com The Game (rival do rapper), Michael queria que os três gravassem juntos para acabar com a briga entre eles.

Lenny Kravitz – "Eu sei que ele adorava a nossa música", declarou Kravitz sobre o dueto "(I Can’t Make It) Another Day".

Fotos inéditas de Michael superam 196 mil euros

Uma coleção de 90 lotes de fotografias inéditas de Michael Jackson tiradas pelo fotógrafo Arno Bani em 1999 foram leiloadas esta segunda-feira em Paris por 196 mil euros (US$ 262 mil). 
Foram vendidas, ao todo, 700 cópias das imagens que permaneceram inéditas durante anos, entre elas a imagem de Michael com semblante triste e um olho pintado de azul.
Mas o maior preço - 26 mil euros - foi de uma fotografia de grande formato do Rei do Pop vestido de dourado.
Entre 9 mil e 25 mil euros conseguiram o resto dos outros retratos em grande formato, que faziam parte dos 90 lotes nos quais se tinha dividido a venda.
O evento foi realizado na casa de leilões Pierre Bergé & Associés.
A história dessas fotografias, guardadas em segredo durante mais de dez anos, surgiu da vontade de Michael, que, após ver um trabalho de Bani publicado na imprensa, pediu os seus serviços.
O fotógrafo declarou que o Rei do Pop detestava ser fotografado, mas que ficou satisfeito com o seu trabalho por se tratar de um profissional, segundo Michael, o fotógrafo era jovem e não era corrompido pelo sistema.


13 de dezembro de 2010

Première - Fantástico (Rede Globo)

Confira a estreia oficial de HOLD MY HAND no Brasil, o clipe foi exibido ontem (12/12/2010) no jornalístico "Fantástico" da Rede Globo.

12 de dezembro de 2010

Jackson deixou mais material inédito



O produtor de Michael Jackson deu uma notícia que deixou fãs de todo o mundo aos pulos. Em entrevista ao site da BBC, Teddy Riley anunciou que já planeja um segundo volume do disco "Michael", álbum póstumo do cantor que ainda nem chegou às lojas.

- Já estou trabalhando no próximo e estou feliz por fazer parte da equipe, disse ele.

Muitos boatos se espalharam sobre uma possível mimetização da voz de Michael, neste último álbum produzido. Os rumores se tornaram fortes porque muitas das pessoas que estão alegando isso já trabalharam com o astro pop, como é o caso do produtor musical e vocalista da banda Black Eyed Peas, Will.I.am.

- A publicação deste disco é um desrespeito a ele, criticou o cantor de I Got a Felling.

O veterano produtor de Michael, no entanto, contesta a afirmação:
- Isso é impossível. Esse é um álbum do qual Michael ficaria orgulhoso!